A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Página 3 de 15 Anterior  1, 2, 3, 4 ... 9 ... 15  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Dornelles em Qui 24 Abr 2014 - 14:57

Dornelles ergue-se e vai restaurar os dentes arrancados com a violência.

-Deus do heroísmo? Faz-me rir. Grande heroi, agredindo gratuitamente e descendo ainda mais baixo do que quem estava ofendendo. Alguém abra as janelas, pra haver mais espaço pro ego deste "grande heroi" aqui, antes que sejamos todos esmagados. E se "ser comido por um macho" faz diminuir o intelecto, creio que sua quilometragem de falos seja bastante pra dar a volta em alguns reinos, seu ser ignóbil comedor de vírgulas e ignorante da concordância verbal. Francamente, o mundo já tem problemas suficientes com a Tormenta pra vocês ficarem de picuinha e vendo quem tem o pau maior. Se querem agir feito animais, todos vocês, não escondam-se por trás de suas máscaras de civilidade. Já vi matilhas de lobos com mais educação do que tenho presenciado nesse grupo, e ouso dizer que já combati OGROS com melhor nível do que tenho visto aqui.

-Se querem determinar quem é o alfa do grupo, destruam-se uns aos outros e o último em pé passa a dar as ordens, porque assim está inviável. Quando estiverem prontos, vou estar na sala dos preparativos.

Dito isto, Dornelles sai da sala com Volg e mergulha na leitura simultânea de seis livros, um deles intitulado RESISTINDO À VONTADE DE ESGANAR GENTE IRRITANTE.

Dornelles
Filhote
Filhote

Mensagens : 14
Data de inscrição : 15/11/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por klebersm17 em Qui 24 Abr 2014 - 19:50

Arn

O paladino observava atentamente a confusão ali, assim como o sermão de Dornelles. Ele não disse nada, tudo o que Dornelles disse era verdade e coerente. Ele não soube dizer se também estava incluído no sermão, mas preferiu ignorar e aceitar que ainda tinha muito o que aprender a como ser um paladino.

Ele dá um beijo nos lábios de Kerrigan e a abraça forte dizendo:

- "Eu te amo."

- "Ao grupo que vai a Ahlen, boa sorte e que corra tudo bem, quero ver todos de volta."
- ele dá um sorriso amigável e se dirige a sala dos preparativos. Ele fica pensando em Sombria, e qual será a melhor tática a usar naquele local.

klebersm17
Fostern
Fostern

Mensagens : 91
Data de inscrição : 14/11/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por serial101 em Sex 25 Abr 2014 - 22:51

Kyle se vira pra mulher ele faz isso usando sua audição entretanto.

- Primeiro: Se eu estou acendendo uma fogueira pra poder enxergar melhor. Por isso chegar aqui no escuro destrói o efeito dramático, eu não poderia vê-la pra me impressionar. (não que eu esteja impressionado agora)
- Segundo: Tenebra é a rainha da noite que também é composta tambem pela lua e estrelas, coisas naturalmente brilhantes, logo essa escuridão total é muito charme e pouco coerente.

Explicado tudo isso Kyle começa a responder o que ela quer ouvir.

- Sobre a proposta, eu não creio que possa cumpri-la, minha meia-vida não está a venda, e certamente não quero minha esposa amaldiçoada como eu. Mas saiba que tenho interesse em destruir a Tormenta. Ela maculou minha vida, e destruiu minha alma. Eu a destruiria pelo mero prazer de destrui-la.

- Há, entretanto, uma questão. Se eu aceitar o acordo o farei com a idéia de um pagamento, não agora, mas quando o trabalho estiver pronto. Lhe garanto que não será nada ilegal nem que desafie os dogmas dessa terra.

Ele estica a mão em um comprimento.

- Então? Temos um acordo?
avatar
serial101
Athro
Athro

Mensagens : 663
Data de inscrição : 20/11/2013
Idade : 29
Localização : A dois passos do paraiso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por windstorm em Qua 30 Abr 2014 - 18:20

Vendar via tudo o que acontecia e novamente suspira. Essas demonstrações estava muito cansativas e repetitivas. Ele se aproxima de Magda sem uma palavra. Mas no caminho  para por um segundo, olhando para Vito Corleone. Eles cruzam os olhares, com uma dúvida cruzando a mente alienígena do desafiador. Ele abre levemente a boca como se fosse falar algo, mas desiste e vira o rosto.

"Não deve ser nada." Ele pensa consigo mesmo.

Ele então vai até junto de magda, esperar com os demais que ficarão em Ahlen.


---------------------------

Istíria via a tudo com um misto de nojo e indiferença. Uma filha que fala com o pai nesse tom, e um pai que destrói o rosto da filha desta forma estavam longe do que ela considera uma família ideal. Mas isso era uma questão da família dele, ainda mais que tinham se prontificado para consertar os dentes dela. Fora isso essas constantes disputas entre os poderosos para ver quem late mais alto eram muito, mas muito entediantes. Parecia até que eles não sabiam fazer nada além de digladiarem para ver quem era o lobo alfa. A meio-elfa inconscientemente comparou essas disputas com brigas de crianças, de adolescentes, lutas de adultos, guerras de famílias e guerras entre países. Em sua mente comparando a todas e procurando pontos em comum. Mas agora era a hora de se preparar para ir para sombria. Ainda calculando em sua mente ela fala em um tom distante.

- Bem, vamos para o transporte.

Ela ainda analisava as situações em sua mente, quase hipnotizada, enquanto ia para o transporte mágico.
avatar
windstorm
Fostern
Fostern

Mensagens : 91
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 36

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Monteparnas em Qua 30 Abr 2014 - 22:57

Mayra e Regan observam em silêncio a briga entre Lucian e a filha. O arquimago e general estuda a cena, a mente dividida entre a reflexão sobre a própria existência desses quatro jovens, o papel do senhor de maior idade que entrou, e a psicologia da relação nascente entre Lucian e a filha adulta. Mayra faz uma observação bem mais breve sobre a estranheza da situação, sabe que terá tempo de entender depois, mas eventualmente terá que conversar com o amigo.

Estefane Kerrigan se ocupa com seu noivo. Haverá tempo para pensar em qualquer coisa depois, mas agora é hora de, mais uma vez, se despedir de seu amado. Até que a missão de fato comece, ela não quer pensar em mais nada.

As três mulheres da família de Jack, a que parece ser uma acompanhante, a sósia de Lienn, e a filha desta, ficam na delas. A menina está confusa, a mãe está concentrada em alguma coisa que tem nas mãos, desinteressada da cena em volta, a mulher pálida apenas observa, não parecendo surpresa com o desenrolar da situação.

Helena, a jovem elfa de cabelos, fica perto de Thomas, olhando confusa para a cena, mas aprova a bofetada de Lucian na filha. O Elfo Negro parece solenemente desinteressado, já se dirigindo para a sala dos preparativos para a viagem a Sombria. Allan, o homem de 3 metros de altura, já estava na sala dos preparativos, e não parecia se importar com nada além de sair logo dali para a missão. A mulher tamuraniana vai em seguida, com Alter no colo.

Magda Imáglia e o senhor recém-chegado trocam olhares por um instante. O homem se põe a observar atentamente a todos na sala. A detetive ocupa o cérebro com milhares de análises sobre tudo que está acontecendo, se fechando para o mundo enquanto a mente trabalha cada evidência e hipótese.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Um estranho navio singra o mar no Plano das Sombras, numa região limítrofe entre realidade e pesadelo. A nau parece avariada, o casco mais e mais castigado pelas ondas violentas da mais instável fronteira do multiverso. Dentro da embarcação, uma estranha criatura cefalópode grita com a variada tripulação.

- PREPARAR PARA APORTAR, SEUS CÃES IMPRESTÁVEIS! AOS REMOS DE ESTIBORDO! BAIXEM AS VELAS E SIGAM A BARLAVENTO! PREPAREM O NÁUTILUS! SENHORES JAMES E MORGAN, SELECIONEM UMA DÚZIA DESSES BILTRES, VOCÊS VÊM COMIGO! SENHORITA TATCHER, VOCÊ ESTÁ NO COMANDO! APORTE A NAU EM SEGURANÇA E FAÇA OS REPAROS! QUERO O NAVIO PRONTO ONTEM! VAMOS, PATIFES, MEXAM-SE!!!

Horas depois, a estranha embarcação Náutilos singrava os céus de Sombria.

_________________
In fearful day, in raging night,
With strong hearts full, our souls ignite,
When all seems lost in the War of Light,
Look to the stars-- For hope burns bright!
avatar
Monteparnas
Mentor
Mentor

Mensagens : 408
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31
Localização : Sobradinho, DF

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Gilgamesh em Dom 11 Maio 2014 - 22:21

Arthur

*Arthur se sente basicamente empurrado a ir para sombria e depois de olhar para mayra com um sorriso amarelo ele diz:*
-Se vós acheis que eu  serei nocivo a nossa empreitada, que assim seja, eu irei para sombria junto com Mamushi e a grande maioria dos servos dos deuses....

*Ao ver o soco de Lucian ele simplesmente olha para o paladino e diz: *
-Vocês desta época são muito brandos com suas crianças, em minha época ela teria sido açoitada e depois levada a seu quarto por algum tempo para pensar, só a menção disso já impedia esse tipo de rebeldia...

*Mamushi apenas assente e Arthur continua:*

-Ele pode ser seu pai criança, mas é o rei em campanha de guerra contra tormenta, e em uma campanha de guerra onde a segurança do mundo esta em jogo, você não tem o direito de questionar esta autoridade  pequena rebelde... Não neste momento e nem neste caso, deveis esperar a epoca de paz.
*Depois de dito isso ele apenas deixa a sala ignorando qualquer atitude hostil de qualquer outro*

Mamushi

*Mamushi apenas olha a garota se exaltar e xingar apenas para anotar algo em seu caderno e sair logo após que Faustus diz que eles devem ir*


Valvilisk Red iron

* gnomo não vê nada de aparente de ruim na atitude do paladino é apenas um pai disciplinando sua filha, entre os gnomos fariam de forma mais branda, ela provavelmente levaria umas palmadas, mas não seria uma coisa muito diferente, ele segue com a caçadora para onde ela for*

Emilly

Emilly olha para o elfo e diz:*
-Biltre isso não acaba aqui, vai pagar pelos crimes que esta cometendo, e eu vou me assegurar disso

*Depois ela olha para o irmão e diz: *

--Ficarei com você e Luthien Regan, posso ser necessária aqui, afinal a maioria de servos divinos esta indo para sombria.  

*Ela segue Regan aonde ele for*

_________________
avatar
Gilgamesh
Mentor
Mentor

Mensagens : 4
Data de inscrição : 14/11/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Lienn em Sex 21 Nov 2014 - 21:18

Ahlen  Noite

*Após a ida do grupo que iria para Sombria, Fautus Fala:*

-Bem Parte do grupo Já foi cumprir sua parte da tarefa, agora estamos aqui e vamos aos negócios.
A Red Queen é nosso alvo e para nos ajudar a encontra-la  temos aliados que por muitas vezes alguns de vocês já chamaram de adversários. Os Signori Nobili, líderes do crime de Ahlen, estarão nos dando o apoio para irmos aos lugares certos e chegarem as pessoas certas e sem alertarmos a Red Queen.
Mas logico que na condição, nada de se meterem nos assuntos dos Signori de Ahlen ou além de termos que lutar com os paus mandados da algoz da tormenta ainda teremos que enfrentar Signori que realmente mandam em ahlen.

O que devemos lembrar é que se formos combater o "mal" deste lugar e que pertence a este mundo, perderemos forças ao enfrentar o inimigo do mundo, contudo como eu havia dito antes temos um desfalque de servos divinos para esta parte da missão e eu deu um jeito nisso, com ajuda de alguns contatos e consegui pessoal hábil para repor esta falha.


*faustus, leva todos a uma nova sala onde neste ambiente se encontram dois tamurarianos e uma  meia elfa*

Spoiler:



e bem como estamos todos aqui vamos começar a dar a todos a noção de como sera nosso plano de ação, principalmente vamos realmente começar aproveitar o evento que esta o evento que esta por vim em Ahlen, como todos vocês sabem o carnaval de ahlen esta em pleno auge e amanhã pela noite ira começar o evento alto da festa de ahlen, ballo in maschera do palácio real.
Neste baile a nobreza de ahlen e Os Signori Nobili estarão convidados a este evento e eu e Adalinda assim como alguns de nossos aliados fomos formalmente convidados a este evento que é de grande importância e que a Red Queen estará presente, lá eu Adalinda iremos com vocês que estarão de mascaras como manda o figurino   e fingindo ser parte de nosso séquito e seguranças e por isso não serão incomodados e lá dentro poderemos procurar a Red Queen e dar cabo dela sem dano colateral e testemunhas indesejáveis.
*Adalinda nesta Hora se pronuncia de forma irônica*
- Alguém NÃO entendeu o que estamos explicando? Depois do longo e repetitivo discurso do Faustus?

SOMBRIA

*Ao Chegarem em Sombria a escuridão assombrosa tomou seus olhos por alguns segundos, mesmo aqueles que viam no escuro, mesmo aqueles que estavam sobre efeito  de magias para enxergar no escuro, pois aquele ela  as boas vindas ao reino da noite, aquele era o beijo da dama sombria, aquela era a forma de Tenebra dizer Olá aos seus visitantes.
O frio da noite foi a segunda coisa a envolvê-los de Forma doce e enigmática e depois deste mundo de sensações foi que o grupo percebeu que muitos membros que tinham vindo estavam faltando e apenas alguns estavam naquele lugar, a frente havia uma  mulher que tocava distraída enquanto  habitantes do plano dançavam e ficavam ao seu redor.*

http://1.bp.blogspot.com/-W0hQUESemyw/VG_d07pCaHI/AAAAAAAAKcI/oj5ORDS4WUs/s1600/349177_noch_les_devushka_glaza_flejta_duxi_3819x2190_(%3Ca%20href=


*Eles aparentemente estavam em uma floresta de sombria  que lhes davam as boas vindas de forma divertida e mortal, fazendo o grupo se separara de forma quase banal*

(Off: membros do grupo de sombria que estão presentes Dornelles,Aeron,Cassandra,Sarah,Mellody,Mellissa,Thormy,Altria,vendar, Cezar, Arn e maya)
(Serial, Favor considerar que seu pj minotauro e esposa dele estavam na reunião que havia ocorrido antes em Ahlen )

Kyle

*Tenebra Olha Para Kyle de Forma curiosa e diz:*

-Faremos um Acordo mais correto aos meus desígnios, mandarei você para Arton onde você auxiliar um grupo com algumas pessoas que estão lutando contra lefeu, fique com eles e terá sua recompensa ela depois disso, procure Faustus e  Mayra eles serão seus guias mandarei para onde eles estão.

*Após isso aperta a mão de kyle e o faz sumir fazendo-o aparecer na sala que estão Fautus e o grupo de Ahlen e ele diz assim que Kyle chega: *

-Nosso ultimo integrante acaba de chegar Graças a mãe da noite, bem rapaz sou Faustus e  acho que Tenebra Falou sobre mim.


Última edição por Lienn em Sab 22 Nov 2014 - 13:25, editado 1 vez(es)

_________________

In blackest day, in Brighest night
Beware your fears made into light
Let those who try to stop what's right
Burn like his power, Sinestro's Might.
avatar
Lienn
Mentor
Mentor

Mensagens : 109
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por serial101 em Sex 21 Nov 2014 - 23:46

- Se você é Faustus, imagino que você seja Mayra.

Diz ele indicando a Meia-elfa.

- Perdão pela aparição súbita, mas minha viagem não foi planejada. Sou Kyle e fui enviado para ajuda-los em sua missão. Minhas armas são suas, minhas asas furtivas como a noite estão a vosso serviço.

Dito isso ele espera pra ser informado em qual seria o plano de ação, e palpitar um pouco sobre o mesmo. Por exemplo, dado sua aparência incomum (acompanhada de asas) ele imagina ser relativamente fácil se passar por membro de uma trupe de artistas. Fazer alguns truques para distrair os nobres e criar uma distração pra extração da Red Queen. A morte dela poderia ser feito em outro lugar, mais discreto que em uma festa de carnaval lotada de pessoas.

-------------------

Cezar apenas ouvirá aos outros antes de intervir em Sombria.
avatar
serial101
Athro
Athro

Mensagens : 663
Data de inscrição : 20/11/2013
Idade : 29
Localização : A dois passos do paraiso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por martafofa em Sab 22 Nov 2014 - 20:48

Glória

Não moço, meu nome é Glória. Sou uma escolhida de Lena e vim ajudar na investida contra a Red Queen. Mayra é aquela moça alta com asas e cauda. Aceita um pão?

-------------------------------------------------------------------------------------------------------
Maria

Ahlen, pela manhã.

Spoiler:
Fantasma aparece arrastando o corpo de um estuprador conhecido em Ahlen, com dois furos de faca no pescoço, e o joga em um rio. Depois vai andando para atrás de um prédio e desaparece.
Spoiler:
Maria aparece do outro lado do prédio, parece ajeitar o penteado e vai para casa. Pietra a está esperando e com uma cara inquisitiva pergunta:

-Onde você estava Maria? Você lembra que ficou de me ajudar com as compras de casa?

Mãe, eu estava passeando pelas praças da cidade e perdi a noção do tempo. Desculpa.


Última edição por martafofa em Sab 10 Jan 2015 - 15:16, editado 4 vez(es)
avatar
martafofa
Fostern
Fostern

Mensagens : 77
Data de inscrição : 19/11/2013
Idade : 34
Localização : No meio do mato

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Monteparnas em Sab 22 Nov 2014 - 21:55

Mayra:

A mulher se aproxima de Kyle. Não a meio-elfa com a qual ele a confundiu. A mulher que se aproxima tem mais de 2 metros, e observa Kyle por cima. Os olhos díspares, um castanho, outro de um azul pálido, ambos rajados de vermelho e dourado, examinam o elfo-do-céu de cima a baixo. Ela move as asas, de penas negras como o ferro bruto, e serpenteia a cauda da cor do bronze.

Por alguma razão, o grande escudo e o tridente que ela carrega, ambos itens de grande poder, estão marcados não com símbolos de um deus do mau ou da guerra, mas com o símbolo de Lena, a Deusa da Vida.

- Eu sou Mayra, paladina de Lena. E você estará sob minha responsabilidade agora, tal é o desígnio dos deuses. Seja bem-vindo à nossa Investida.

_________________
In fearful day, in raging night,
With strong hearts full, our souls ignite,
When all seems lost in the War of Light,
Look to the stars-- For hope burns bright!
avatar
Monteparnas
Mentor
Mentor

Mensagens : 408
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31
Localização : Sobradinho, DF

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por serial101 em Sab 22 Nov 2014 - 22:26

Kyle aceita o pão e completa:

- Desculpe a confusão, no futuro vamos tentar usar crachás de identificação.

Ele sente o cheiro do pão, que aparenta estar ótimo, mas sente um formigamento estranho nos dedos enquanto em contato com o mesmo.

- Seu pão parece ótimo, mas espero que me perdoe por ter de recusa-lo. Minha atual condição me impede de degustar essa iguaria.

Nisso ele guarda o pão em um saco de pano que mantem preso a cintura. O pão entra inteiro, mas não parece fazer nenhum volume.

Feito isso ele se vira para Mayra, Kyle é bem mais baixa que a amazona, ficando muito confortável em seus 1,62 metros de altura.

- Peço perdão pela confusão, mas quando me disseram que seu nome era Mayra achei que seria uma mulher, uma descrição um pouco distante daquilo a qual me apresenta. Como disse, estou aqui para fazer o que preciso for, e terão meu total apoio, entretanto permita-me fazer uma pergunta indiscreta, de que lugar dos noves infernos você veio?

- Não me entenda de forma equivocada, não vou julgar-te por nada além de seus atos, mas sua aparência em muito se afasta daquilo que é esperado para um paladino, para um servo de Lena e, principalmente, para um ser humano e quero ter certeza de que posso confiar minha retaguarda a uma serpente de cobre.

Kyle conhecia, é claro, a existência de humanos misturados a criaturas dos plano divinos, mas não era capaz de distinguir criaturas bondosas de criaturas malignas, esse tipo de conhecimento era da alçada de viajantes planares experientes. A desconfiança desse tipo de ser era (ao menos em sua visão) algo bastante natural.
avatar
serial101
Athro
Athro

Mensagens : 663
Data de inscrição : 20/11/2013
Idade : 29
Localização : A dois passos do paraiso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Monteparnas em Sab 22 Nov 2014 - 23:12

Mayra

Mayra, de Lena:

A guerreira treme de raiva ante a dúvida sobre sua feminilidade, mas respira e se acalma. Ser confundida com um abissal, por outro lado, não lhe é estranho.

- Sua sorte é que meu noivo não está aqui, mas com o grupo que partiu para Sombria.

- Não corre em minhas veias o sangue de dragões, nem de simples abissais. Se quer saber, minha mãe era apenas uma serva humilde de Lena, assim como eu. Devo minha atual condição ao sangue e intervenção de meu pai, o senhor do Reino de Werra...


Última edição por Monteparnas em Sab 22 Nov 2014 - 23:46, editado 1 vez(es)

_________________
In fearful day, in raging night,
With strong hearts full, our souls ignite,
When all seems lost in the War of Light,
Look to the stars-- For hope burns bright!
avatar
Monteparnas
Mentor
Mentor

Mensagens : 408
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31
Localização : Sobradinho, DF

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por serial101 em Sab 22 Nov 2014 - 23:39

Eram muitas revelações para apenas duas frases. Esse gigante de bronze tinha um noivo? Esse era um homem de coragem. Depois ela tinha uma cauda, asas e pele de cobre e nenhuma ligação com dragões e demônios.

Se as surpresas não fossem poucas, era uma filha de Werra (aparentemente do senhor de Werra, que era Kenn a menos que tivesse esquecido completamente das aulas de religião na igreja), e uma paladina de Lena.

- Senhor do Reino de Werra? Tipo, um deus maior...

Kyle suspira longamente.

- Eu não vou questionar.

Ele se levanta em um pulo e cobre a distância entre os dois, ficando a poucos centímetros de Mayra e voando para olhar diretamente em seus estranhos olhos de cores descombinadas.

- Mas me desculpe pela indelicadeza, não era minha intenção. Minha falecida esposa certamente teria me avisado para manter a boca calada. Se houver algo que eu possa fazer para me desculpar por isso basta pedir.

Dito isso ele bate as asas para trás e ganha novamente distância entre eles.
avatar
serial101
Athro
Athro

Mensagens : 663
Data de inscrição : 20/11/2013
Idade : 29
Localização : A dois passos do paraiso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Monteparnas em Dom 23 Nov 2014 - 0:09

Mayra

Com o pedido de desculpas, Mayra se acalma e sorri.

- Não precisa fazer nada, está desculpado. Meus pêsames pela sua esposa. Nós vamos trabalhar juntos, então recomecemos em melhores termos: eu sou Mayra, serva de Lena e nativa de Cohlen. E você?

Ela vai até Kyle, estendendo a mão.

_________________
In fearful day, in raging night,
With strong hearts full, our souls ignite,
When all seems lost in the War of Light,
Look to the stars-- For hope burns bright!
avatar
Monteparnas
Mentor
Mentor

Mensagens : 408
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31
Localização : Sobradinho, DF

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por serial101 em Dom 23 Nov 2014 - 23:44

- Sou Kaleric Alqueri, mas os povos do reinado sempre me chamam de Kyle, Elfo-do-céu, Herdeiro de Hydora, dragão-rei azul. Como já lhe disse, viúvo. Atualmente falecido, mas mesmo a morte não se provou capaz de me impedir.

Ele pensa um pouco antes de completar.

- Tecnicamente, enviado da Deusa da Noite. Embora isso seja uma condição temporária.

Depois aproveita para informar em que pode ser útil.

- Em vida fui tatuador, pai e marido. Em morte me tornei rastreador, caçador e assassino. E posso dizer que tornei a noite meu ambiente natural. Minha especialidade é fazer um serviço minucioso a grande distância, mas não tenho medo de olhar nos olhos de um vilão e ser a ultima coisa que ele verá na vida.
avatar
serial101
Athro
Athro

Mensagens : 663
Data de inscrição : 20/11/2013
Idade : 29
Localização : A dois passos do paraiso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Monteparnas em Seg 24 Nov 2014 - 2:12

Mayra

- Enquanto estiver sob meu comando, peço que evite a parte de "última coisa". O único inimigo que você vai matar por enquanto é o Inimigo do Mundo. Os outros, há muitas maneiras de lidar com eles sem sujar as mãos de forma tão grosseira.

_________________
In fearful day, in raging night,
With strong hearts full, our souls ignite,
When all seems lost in the War of Light,
Look to the stars-- For hope burns bright!
avatar
Monteparnas
Mentor
Mentor

Mensagens : 408
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31
Localização : Sobradinho, DF

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por windstorm em Seg 24 Nov 2014 - 2:25

Istíria

A jovem meio-elfa de cabelos rosados e olhos azuis via a tudo com atenção, ela ainda estava contrariada por ter que ir para Ahlen. Ela não gostava daquele país, pois já tinha sofrido no passado com as traições locais, e como sabia que não seria capaz de se defender bem se levasse mais facadas pelas costas (reais ou figurativas) seu nervosismo era crescente. Mas devido ao desfalque de curandeiros no grupo, ela foi convencida a ir com eles. Ao ver a conversa que acontecia à sua frente, ela não sabia se ficava nervosa ou aliviada. Por um lado era uma conversa um tanto descontraída, mas por outro caso houvessem maus entendidos, castelos sairiam em pedaços. Ela olhou ao redor e simplesmente respira fundo.

- Bem Mayra e Kyle, bom conhecê-los. Eu sou Istíria Alwina Menvalin, curandeira. Espero que trabalhemos bem em conjunto.

Ela então olha para Mayra e Kyle.

- Bem senhorita Mayra, se me permite a pergunta, é raro encontrar uma semideusa, mas por que Lena? Seu pai não ficou zangado com essa escolha? E senhor Kaleric, meus pêsames.


-------------------------

Vendar


Vendar queria ter ido com a caçadora, mas  também não se opôs quando foi ordenado a ir para sombria. Este reino tinha seus agrados, e embora muitos dissessem que era perigoso, haviam muito pouca coisa em arton capaz de ameaçar alguém do porte de Vendar, especialmente quando reunido a tantos outros com força equivalente. Sua visão no escuro funcionava e ele presenciou com um pouco de deleite a musica tocada. Era bom poder aproveitar algo assim. O desafiador achava que havia perdido algumas coisas para sempre, mas o presente de Lena havia devolvido muito, e o desafiador aproveitava cada momento disso. Mas ao notar que uma parte do grupo sumiu ele resmunga.

- Por que sempre acontece algo assim?

Ele tenta sentir os faltantes pelo seu sentido sísmico. Então segue para falar com a mulher que tocava.

- Nem todos estão aqui. Onde estão os outros, por favor?


Ele então se volta para os demais.

- Alguém viu o que aconteceu?


Última edição por windstorm em Seg 24 Nov 2014 - 22:10, editado 1 vez(es)
avatar
windstorm
Fostern
Fostern

Mensagens : 91
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 36

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Mamorra em Seg 24 Nov 2014 - 10:32

A Kaira ouvia o que o nojento do Faustus tinha a dizer e ficou se perguntando se não fez uma má escolha em ir para Ahlen. Porém tinha uma ótima chance de acertar contas com o seu assassino.
- Então, nada de matar, nada de “efeitos colaterais”, nada de ferir “inocentes”. Mesmo sabendo que se salvarem umas três almas inocentes lá são muitas... Merda... Deveria ter ido para Sombria. Aqui não será divertido... Tudo bem. Entendi. Mas uma pergunta: Se alguém lá tentar fazer coisa que não deve, posso rasga-lo ao meio? Ou se tiver mais alguém corrompido por Lefeu, também posso rasga-lo ao meio?



Melissa tomou um susto quando tudo ficou escuro e segurou a mão do Thormy, mais por reflexo do que por medo. Quando voltou a enxergar, não localizou seu irmão Borandir. A maga via seu irmão ainda como um garotinho e logo o medo começou a tomar seu corpo. Ela começou a gritar o nome do irmão, enquanto Thormy e Altria tentavam procurar por rastros deles em vão.

-- Milady, onde estão as outras pessoas que estavam conosco? – Disse Altria ao ver a mulher que tocava.

_________________
avatar
Mamorra
Mentor
Mentor

Mensagens : 170
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31

Ver perfil do usuário http://orangovivo.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por martafofa em Seg 24 Nov 2014 - 20:01

Glória

-Bom, nosso amigo meio confuso já está esclarecido sobre quem é Mayra. Agora vamos ver quem está conosco nessa investida: Uma linda menina muito brava que quer rasgar coisas ao meio; um elfo-do-céu que nem a morte o impede; uma paladina de Lena bem alta; uma curandeira assim como eu; e eu, uma escolhida e serva de Lena  e os outros que ainda não sei quem são.
Então mais alguém quer pão? Posso conjurar mais alguns agora e todos eles vão estar sem nada além de massa de pão deliciosa.


Última edição por martafofa em Seg 24 Nov 2014 - 22:08, editado 2 vez(es)
avatar
martafofa
Fostern
Fostern

Mensagens : 77
Data de inscrição : 19/11/2013
Idade : 34
Localização : No meio do mato

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por serial101 em Seg 24 Nov 2014 - 21:02

Kyle para Istíria:

- Você é uma curandeira e eu estou morto. Digamos que nossa natureza nos separa em essência. Desta forma não creio que seremos bom trabalhando juntos, mas isso não nós impede de nos complementarmos e, por que não, seremos bons amigos.

Ele ouve Kaira, e decide evitar conflitos posteriores e ficar de boca calada.

Complementando o comentário de glória ele emenda:

- Eu não esperava menos dos maiores heróis de Arton, mas em Ahlen uma língua afiada é mais poderosa que qualquer espada, não sei se estamos preparados sem um bom plano. O que me lembra, melhor discutir qual será o nosso.
avatar
serial101
Athro
Athro

Mensagens : 663
Data de inscrição : 20/11/2013
Idade : 29
Localização : A dois passos do paraiso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Lienn em Seg 24 Nov 2014 - 22:15

Ahlen Noite

*Adalinda e Faustus  olham um para o outro e Faustus com um sorriso malicioso fala*

-Kaira, Minha querida Amiga, você sabe que eu adoro dizer sim para  seus desejos, mas dessa vez você pode até pensar em matar alguém, mas com autorização expressa da Mayra, A serva de Lena...

*Uma jovem de rosto inocente, mas de olhar que mostra uma mente sagaz e talvez um pouco cruel, ela tem asas douradas em suas costas e  em seu colar que esta em seu peito o simbolo do deus do poder, se adianta e se apresenta a Glória*

-Eu sou Alexia Henriqueta Carmem De Paltar Silloheron, Filha do Chefe Borandir e Da rainha Megara, a senhora dourada, A seu dispor  minha cara colega de investida...

Alexia Silloheron:

*Depois uma loira bem alta com traços Yudenianos, de cara seria se aproxima indo para frente para cumprimentar a aparentemente a abençoada para apenas se jogar no colo do baixinho que tem traços parecidos com os dela e dizer:*

-Meu nome é Emilly Von heller serva do mestre insuperável do dado selvagem... prazer em conhece-la Glória...

*depois disso ela olha para regan com um sorriso divertido e totalmente desvairado de sempre, enquanto aproveita onde esta para roubar um beijo do mesmo, enquanto adalinda vira os olhos e diz:*
Emilly Von Heller:

-Vão para um quarto vocês dois...

Adalinda Von Heller:

*Adalinda Vira para kyle e suspira e explica novamaente o plano ( favor thiago vide postagens anteriores)*

--Bem este é o nosso plano kyle, e não se preocupe, estamos bem servidos de linguas afiadas em nosso grupo apesar de tudo...

*ela sorri de forma serena*

Sombria

*A mulher olha primeiro para vendar e depois para altria*,

--Bem, as únicas pessoas que eu vi, foram vocês...  Não sei onde tem mais ninguém além dos seres vivos e não vivos desta floresta e fora vocês, não existem mais visitantes em minhas terras, mas se vocês saíram de onde estavam com mais gente e eles não estão aqui, podem estar em qualquer lugar de sombria, ou nem mesmo ter chegado aqui em sombria...

*ela sorri de forma Melancólica*
-Sou apenas uma Dríade DE um lugar morto, não posso ajuda-los muito mais


Última edição por Lienn em Seg 24 Nov 2014 - 22:53, editado 1 vez(es)

_________________

In blackest day, in Brighest night
Beware your fears made into light
Let those who try to stop what's right
Burn like his power, Sinestro's Might.
avatar
Lienn
Mentor
Mentor

Mensagens : 109
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por windstorm em Seg 24 Nov 2014 - 22:29

Istíria olhava ao redor para seus companheiros, ela nunca deixava de se sentir deslocada em meio a aventureiros, mesmo sendo ela própria um deles. Ela olha para Glória.

- Ah, obrigada, mas não estou com fome agora. Então... seus poderes também vêem de Lena? Você... é clériga?

Ela então olha para o elfo do céu.

- Bem... então temos outro morto-vivo nessa investida. Você não é vampiro é? E sim, bem, temos que pegar a rainha vermelha, mas realmente vamos ter que improvisar um pouco, não temos como ter certeza do que encontrarem lá, então depois de entrar disfarçados teremos que pensar rápido.

Ela então olha para os Von Heller e treme um pouco. Ela já havia encontrado Yudenianos antes, e as coisas não tinham sido agradáveis. Previsível visto que ela era apenas meio-humana. Mas pelo menos esses dois não parecem lhe querer mal. Ela então pergunta.

- Bem, quando partimos?


--------------------------------

Vendar

Vendar simplesmente olhava ao redor.

- Meus pésames pela sua perda. Deve ser difícil. Mas eu nunca imaginei ver uma dríade em Sombria.

Ele se volta para o restante do grupo.

- Bem, como um plano é infinito e eles podem estar em qualquer lugar, a menos que alguém tenha magias para localizá-los sugiro irmos fazer o que viemos fazer.
avatar
windstorm
Fostern
Fostern

Mensagens : 91
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 36

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por martafofa em Seg 24 Nov 2014 - 22:37

Glória

Não, Istíria, sou uma serva e graças a Lena sou uma abençoada. Alexia Siloheron, filha da senhora dourada e serva do Terceiro, acho que será um prazer ser sua colega. Emily depois de você se divertir com o seu amigo podemos conversar melhor. Adalinda, acho que entendi o plano.


Última edição por martafofa em Seg 24 Nov 2014 - 22:54, editado 1 vez(es)
avatar
martafofa
Fostern
Fostern

Mensagens : 77
Data de inscrição : 19/11/2013
Idade : 34
Localização : No meio do mato

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por serial101 em Seg 24 Nov 2014 - 22:45

Kyle apenas informa que ele pode facilmente se passar por um artista e criar uma distração, e talvez isso ajude os outros a isolar Red Queen, mas pede mais informações, como qual será o local, nível de segurança e, mais apropriadamente, qual a chance de haver inocentes em volta. Sendo uma líder de culto de tormenta seria fácil assumir que os convidadores serão, em sua maioria, cultistas e profanados, e poderia ser uma boa ideia simplesmente destruir o lugar. Dependendo da situação mágica do grupo seria possível até mesmo arrastar a construção pra um semi-plano e evitar todo o dano colateral.

Fora essas ideias ele tem pouco a contribuir na elaboração do plano.

Depois ele vai conversar com Istíria.

- Não, nada de Sangue-Suga. Até onde sei sou uma coisa um tanto única. Fui uma vez chamado de Revenant, algo como reerguido em uma versão antiga da língua primordial, mas também serve como sinônimo de zumbi. Embora eu claramente não seja um zumbi, já que não estou apodrecendo e não tive minhas faculdades mentais afetadas. Eu já era burro assim mesmo antes de morrer. Só pra constar eu morri com uma queda, e sim, eu entendo a ironia apresentada.

- Existe uma antiga lenda que conta que alguns animais transitam entre o mundo dos vivos e dos mortos carregando as almas dos mortais. Algumas almas, porem, morrem de maneira tão triste que sua alma não pode deixar seu mundo e o animal os trás de volta para completar aquilo que deixaram pendente. Afinal descansar em paz exige que você chegue em paz ao pós vida.

- Mas isso é claramente um besteira, comigo foi apenas um acidente magico criado por um ritual bastante incompetente, piorado por um local de magia deficiente. Eu tenho até medo de ver o que acontecerá se eu entrar em um campo antimagia.
-----------------------
Cezar se adianta a falar com quem ele encontrar.

- Devemos seguir adiante com a missão, os outros sabem que devem fazer o mesmo e não devem tardar a chegar em suas posições.

Ele começa a arrastar com uma facilidade impressionante uma caixa com rodas de mais de 6 metros de altura com 3x3 de lado e sem fazer nenhum barulho.

Supondo que ele tenha como falar com a Driade ele fala a seguinte frase:

- Me diga criatura. Se você não pode nos dizer se há nada além dos vivos e não-vivos em sua área, diga-nos onde podemos encontrar alguém que nos diga. Nossa missão envolve encontrar inimigos de todos os 20 mundos e não devemos perder tempo nessa importante tarefa.

OFF: Role por gentileza, o teste pra saber se ela mentiu, e me diga se ela possui uma aura magica e de qual natureza/intensidade. Se for ilusão eu assumo q estamos sendo enganados.
avatar
serial101
Athro
Athro

Mensagens : 663
Data de inscrição : 20/11/2013
Idade : 29
Localização : A dois passos do paraiso

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Monteparnas em Ter 25 Nov 2014 - 1:21

Regan Von Heller:


O homem segura Emilly no colo sem grande esforço, apesar da diferença dantesca de tamanho entre os dois: Emilly tem 1,86 metro, enquanto Regan tem apenas 1,48 metro. O yudeniano, um jovem na casa dos 20 anos, mas com as vestes e condecorações de um general veterano, beija Emilly antes de ouvir a reclamação de Adalinda.

- Enciumada, irmã? Não se preocupe. Quando terminarmos essa missão, posso arrastar vocês duas para um quarto, você não será preterida.

- Senhorita Istíria, não precisa olhar com essa preocupação. Os Von Heller não partilham do preconceito comum a Ahlen e Yuden. Aliás, não temos muitos dos preconceitos da sociedade em geral.

- Senhor "Kyle", eu sou o arquimago responsável por nossa presente missão. Mas infelizmente ela ocorrerá no Palácio Real de Ahlen, durante o maior baile do carnaval do reino. Esse baile é tradicionalmente aberto: a população comum entra e sai do palácio o tempo inteiro durante o baile, não será possível isolar assim o local. Temos que isolar o alvo em si, e isso terá de ser feito com certo improviso.

- Ah, e senhorita Glória, Emilly não é minha "amiga". É minha irmã gêmea.



Mayra:


- Meu pai não estava lá para influenciar, nem tem que determinar coisa alguma. Minha mãe era uma serva de Lena, e eu fui criada com prazer para servir à vida. Se meu pai só teve coragem de aparecer quando eu fiquei adulta, o problema é dele.

- E sim, ele ficou bravo. Quebrou todos os meus ossos algumas dezenas de vezes por causa disso.

- Kyle, se tiver qualquer problema com outros servos da Vida, ou com qualquer outro servo divino deste grupo, pode falar comigo. Não acredito que terá problemas, apesar de tudo, mas se ocorrer eu resolvo.

- Kaira, isso é uma missão, não um passeio. Nada de matar, a não ser que seja Lefeu. Mas eu farei o possível para que você tenha um pouquinho de diversão, não se preocupe...



Caçadora Sangrenta:



Don Vito Corleone:



Kerrigan


Última edição por Monteparnas em Ter 25 Nov 2014 - 23:05, editado 4 vez(es)

_________________
In fearful day, in raging night,
With strong hearts full, our souls ignite,
When all seems lost in the War of Light,
Look to the stars-- For hope burns bright!
avatar
Monteparnas
Mentor
Mentor

Mensagens : 408
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 31
Localização : Sobradinho, DF

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Tahlus em Ter 25 Nov 2014 - 12:20

Sombria

Aeron observava seu redor, ainda que a escuridão do reino impedisse que pudesse enxergar tudo o que havia ali. Aparentemente algo havia acontecido, e o grupo estava incompleto. Se virando para o resto do grupo, ele fala:

—Mas é claro que haveriam problemas desde o começo... - E após um suspiro, continua. - Não acho muito agradável abandonar quem não chegou junto conosco nesse local, mas a não ser que alguém aqui tenha uma maneira rápida de detectá-los, provavelmente teremos que continuar sem eles...



-------------------------------------
Ahlen

O grupo ali presente parecia ser, em boa parte, aquisições recentes à causa, ou ao menos não faziam parte do mesmo grupo que Aeron participava desde o começo da Investida. Aos poucos as pessoas iam conversando e começando a se conhecer, o que era uma atitude aconselhável, afinal o grupo precisará estar em sincronia quando a missão iniciar de fato.

Assim que Glória começou a "listar" os presentes ali, algumas pessoas começaram a se apresentar. Seguindo o fluxo, Anne, fazendo uma leve mesura, fala:

—Me chamo Anne Roggandin, e atualmente sou a Regente de Zakharov, embora possivelmente isso não faça muita diferença nessa missão... Ainda não tenho certeza de como poderei ajudar o grupo da melhor forma possível, mas espero ser capaz de fazer minha parte quando for necessário.

Não muito longe de Anne, Axel permanecia em silêncio, aparentemente se mantendo fora de toda a discussão propositalmente, e fala apenas:

—Sou Axel Blazteel, e se depender de mim o que pudermos resolver com mágica, seja ela arcana ou divina, não será um problema...

_________________
"Força Bruta: se não funcionou, é porque você não usou o bastante"
-Um sábio...
avatar
Tahlus
Mentor
Mentor

Mensagens : 102
Data de inscrição : 14/11/2013
Idade : 26

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Ultima Libertação (In Game) ANO 1418

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 15 Anterior  1, 2, 3, 4 ... 9 ... 15  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum